quinta-feira, 30 de junho de 2016

O QUE É EVANGELIZAÇÃO

RESUMO DA LIÇÃO 01

O QUE É EVANGELIZAÇÃO


INTRODUÇÃO
A evangelização é a missão suprema da Igreja. Essa missão não é somente da liderança, mas todo crente tem a responsabilidade de anunciar as Boas-Novas.
Vale lembrar, que a evangelização não se resume apenas, a anunciar o Evangelho àqueles que ainda não o conhecem. A evangelização envolve também o discipulado, o batismo em águas e a integração do novo convertido.

Não podemos mais adiar esta urgente missão, nem deixá-la em segundo plano.


I. Diferença entre evangelização e evangelismo;
a) Evangelização. É a prática de comunicar o Evangelho aos perdidos.

b) Evangelismo. É a doutrina de evangelizar, com os seus métodos, fundamentação bíblica e organização.

É correto usar os termos 'evangelização' e 'evangelismo', pois a evangelização depende do evangelismo. Uma é a teoria e a outra, a prática.

II. Como evangelizar
Jesus, o nosso mestre por excelência, foi o maior exemplo de evangelização. Seguindo o seu método temos quatro formas distintas de evangelização:

a) Evangelização pessoal. Jesus evangelizou a mulher samaritana e Nicodemos, em diálogos com eles.

b) Evangelização coletiva. Jesus fez vários sermões para as multidões, pregando o Evangelho.

c) Evangelização nacional. Sendo judeu e vivendo como tal, Jesus falava no idioma da sua nação, conhecendo bem o povo judeu e a sua cultura.

d) Evangelização transcultural. Mesmo tendo sido enviado às ovelhas perdidas da casa de Israel, Jesus socorreu também estrangeiros como o servo do centurião romano, a mulher Siro-Fenícia e muitos samaritanos.

III. Por que evangelizar?
Há pelo menos quatro razões que nos levarão a falar de Cristo a tempo e fora de tempo:

a) A evangelização é um mandamento de Jesus; (Mt 28.19; Mc 16.15; At 1.8)
b) A evangelização é a maior expressão de amor;
c) O mundo jaz no maligno e caminha a passos largos para a perdição eterna;
d) Em breve Jesus voltará e não sabemos quanto tempo nos resta.

Conclusão
As lições deste trimestre são um convite para a Igreja retomar, urgente, a sua missão de transmitir o Evangelho de Cristo aos perdidos. Precisamos nos envolver diretamente nesta missão e nos preparar para executá-la. É muito importante que a Igreja ao pregar, pregue as boas novas de salvação e não se ocupe com fábulas e filosofias humanistas.

sexta-feira, 17 de junho de 2016

A euforia dos petralhas por causa das delações de Sérgio Machado

Alguns petistas andam meio eufóricos na internet, por causa das delações de Sérgio Machado, que citou até Michel Temer. Vi em um destes sites adestrados pelo PT, que 'CAIU A MÁSCARA DOS QUE APOIARAM O IMPEACHMENT'.
Ora, contenham-se petistas! Alto lá! Não há máscara alguma. Há uma diferença abissal entre os dois casos, que vou tentar explicar em poucas palavras:
1) Dilma cometeu crimes durante o governo. Estes crimes já foram comprovados e a lei prevê como punição neste caso, o impeachment.
2) As pessoas que apoiaram o impeachment não escolheram Michel Temer como Presidente da República. Quem o escolheu foram os eleitores do PT e aliados que votaram na chapa Dilma - Temer. E, uma vez Dilma sendo impedida teria que ser ele o substituto legal. Portanto, não se pode querer culpar quem apóia o impeachment, por eventuais erros ou crimes do Temer.
3) Temer foi citado em caso de corrupção antes do governo, em 2012. O caso ainda será investigado e não tem nada comprovado. A lei diz que o Presidente da República não pode ser punido no exercício do mandato por crimes que tenham sido cometidos fora do mandato. Se ele de fato, tiver cometido crime, será punido após o mandato. Por enquanto, ele tem a dificílima tarefa de corrigir os estragos que o PT causou ao Brasil.

quinta-feira, 16 de junho de 2016

João Batista, segundo os hereges da atualidade

Evangelho segundo São Herege Capítulo 3.1-13:

1 E, naqueles dias, apareceu João, o Batista, pregando na Catedral da Judéia,
2 E dizendo: Vocês são cabeça, não cauda. Onde vocês pisarem o pé, será de vocês. Tudo o que voces declararem, Deus assinará embaixo, pois, as palavras de vocês tem poder!
3 Não aceitem nenhuma espécie de derrotas, pobreza ou enfermidade, pois, vocês são filhos do Rei e Jesus era milionário. Porque este é o anunciado pelo profeta Isaías, que disse: "Jesus já levou embora todas as nossas enfermidades." Portanto, toda doença é um mal, que vem do diabo e só atinge àqueles que não tem fé ou estão em pecado.
4 E este João, vestia ternos de grife, feitos sob medida; usava sapatos de cromo alemão e tinha um par de sapatos, para cada cor de terno; só usava perfumes franceses; andava em carros importados, com seguranças armados e motorista particular. O seu preferido era um camaro amarelo; tinha também um jato particular que comprara por 12 milhões de dólares, para viagens mais longas; hospedava-se sempre em hotéis cinco estrelas e costumava comer caviar e tomar vinhos importados.
5 Então ia ter com ele o imperador César, Herodes, Pilatos, Festo, Anás, Caifás, grandes empresários, a imprensa internacional e toda a cúpula política e religiosa da época.
6 Estes traziam as suas crianças e os respectivos padrinhos. João não os batizava ( grego baptisma, que significa mergulho), mas, derramava um pouco de água em suas cabeças (aspersão). Segundo ele, aquele ato os tornaria cristãos.
7 E, vendo ele muitos dos fariseus e dos saduceus, que vinham ao seu batismo, dizia-lhes: Queridos, eu não posso julgá-los, pois, só Deus tem esse poder. Vamos fazer uma campanha de libertação, vocês fazem um voto, semeando uma oferta e eu libero uma palavra profética, declarando que vocês são do Senhor Jesus.
8 Não precisa se preocupar com esse negócio de arrependimento. Isso é coisa de fundamentalistas, que não tem amor. Deus só quer o coração de vocês.
9 Vocês estão debaixo da minha cobertura espiritual; A partir de hoje vou fazer um trabalho de quebra de maldição e ungir tudo o que vocês têm.
10 Ah, esse discurso radical de inferno, lago de fogo, etc. não combina com um Deus amoroso e bom. Isso é coisa de crentes fanáticos. Aqui eu não prego isso, para não afastar o povo. Aqui é só vitória.
11 Eu, em verdade, os unjo com óleo que veio do Monte das Oliveira; vendo toalhinhas com a inscrição 'nas mãos de Deus', molhada com o meu suor 'ungido'; distribuo pedras que vieram do Rio Jordão e pastas de figo que vieram de Israel, que curam qualquer tipo de doença. Basta ter fé. Tudo isso, a um valor simbólico de R$ 900,00, a unidade.
12 Mas, aquele que vem após mim, apesar de ser mais poderoso do que eu, ele me honra e só vos batizará com o Espírito Santo, e com fogo, se eu impuser as minhas mãos e determinar que a unção que está em mim seja transferida.
13 João, o Batista, recebeu uma revelação, onde contemplou visivelmente a face de Deus e ouviu, como se ouve qualquer pessoa, uma voz do céu, que lhe ordenava que ele mudasse o seu nome e o título, para 'Jacó, o arcanjo'. Isso porque Jacó era um nome hebraico e Batista era muito pouco para a grandeza do seu Ministério.